Accident
Last updated: 17 April 2014
Estado:Final
Fecha:martes 11 abril 1995
Tipo:Silhouette image of generic C208 model; specific model in this crash may look slightly different
Cessna 208A Caravan I
Operador:Transportes Aéreos Meridionais - TAM
Registración: PT-OGO
Numéro de série: 208-00027
Año de Construcción:
Motores: 1 Pratt & Whitney Canada PT6A-114
Tripulación:Fatalidades: 0 / Ocupantes: 5
Pasajeros:Fatalidades: 0 / Ocupantes: 0
Total:Fatalidades: 0 / Ocupantes: 5
Daños en la Aeronave: Anulado
Consecuencias: Written off (damaged beyond repair)
Ubicación:Luziânia Airport, GO (   Brasil)
Fase: Aproximación (APR)
Naturaleza:Entrenamiento
Aeropuerto de Salida:Luziânia Airport, GO (SWUZ), Brasil
Aeropuerto de Llegada:Luziânia Airport, GO (SWUZ), Brasil
Descripción:
De Caravan carried out a local flight out of Luziânia Airport. Four co-pilots and one inspector were carrying out a check flight. While conducting a simulated engine failure, the airplane carried out a short approach. It landed hard short of the runway.

CONCLUSÃO

Fator Humano
(1). Aspecto Psicológico - Contribuiu.
O número excessivo de tráfegos realizados, afetou o nível de atenção do instrutor, retardando suas ações para corrigir a situação.

(2). Aspecto Fisiológico - Contribuiu.
A realização de um número excessivo de tráfegos e pousos levou o instrutor a um cansaço natural, que veio a prejudicar suas avaliações.

Fator Operacional
(1). Deficiente Instrução - Contribuiu
O exercício foi orientado para um enquadramento da aproximação final a baixa altura, desprezando a necessidade de estar alinhado a, pelo menos, 300 (trezentos) pés de altura do terreno.
As instruções práticas proporcionadas pela BRC aos seus tripulantes em instrução não incluem seções de simulador e nem treinamento de pouso sem motor simulado.

(2). Deficiente Supervisão - Contribuiu
A empresa escalou um número excessivo de alunos para realizar vôo de verificação inicial com um único instrutor.

(3) Pouca Experiência de Vôo na Aeronave - Contribuiu
O co-piloto em avaliação realizou, apenas, um vôo de uma hora de duração, no C-208, e foi encaminhado para o cheque inicial junto ao DAC. Ao sugerir a arremetida, demonstrou bom senso, mas não tinha parâmetros para avaliar corretamente a situação.

(4) Deficiente Coordenação de Cabine - Contribuiu
O INSPAC deixou o co-piloto em avaliação errar até ultrapassar seus limites. Quando este sugeriu a arremetida, a colisão com o solo era inevitável. O INSPAC estava em posição tal que não visualizava os procedimentos, naquela fase do vôo.

(5) Deficiente Aplicação de Comando - Contribuiu
Considerando o tempo necessário para acelerar o motor, a interferência do cmt. em aplicar a potência no motor foi tardia, não possibilitando a recuperação do controle da aeronave, antes da colisão com o solo.

(6) Deficiente Julgamento - Contribuiu
Em função de seu julgamento incorreto, o Cmt acelerou tardiamente o motor, permitindo que aeronave estolasse.

(7). Outros Aspectos Operacionais - Contribuíram
A BRC não possui, em seu quadro de funcionários, pessoa qualificada ASV com dedicação à atividade de Segurança de Vôo.

Fuentes:
» CENIPA - Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos


Fotos

Add your photo of this accident or aircraft
languages: English Français Nederlands Deutsch Espanol

Share
Share